O uso do Gás Natural como combustível em veículos é permitido pela legislação brasileira e traz grandes benefícios econômicos e ambientais. Para a utilização deste combustível é necessário que sejam feitas modificações nos veículos, com a adaptação feita o mesmo poderá utilizar tanto o GNV quanto o combustível original (álcool ou gasolina). O uso do GNV (Gás Natural Veicular) é muito seguro e para garantir a segurança da instalação é preciso que o veículo convertido passe por uma inspeção inicial rigorosa exigida pela Portaria 49/2010 do INMETRO.

A SETA Inspeção Veicular juntamente com a INSPECENTRO são acreditadas pelo INMETRO e licenciadas pelo DENATRAN, isto quer dizer que são capacitadas para fazer a inspeção do seu veículo.

Exija sempre a nota fiscal do serviço de conversão e dos componentes instalados no seu veículo. A instalação somente será autorizada por empresa credenciada pelo INMETRO, no corpo da nota fiscal deverá constar os números dos principais componentes do Kit.

Os documentos necessários para a 1ª vistoria do veículo convertido ao GNV são:

Autorização prévia do Detran

Documento do veículo (CRLV) (nos casos de veículos 0KM deverá ser apresentada a Nota fiscal de compra);

Atestado de Qualidade da empresa instaladora, comprovando o registro no Inmetro;

CNH do condutor;

Certificado de Conformidade” do cilindro;

Nota Fiscal do serviço de instalação executado no veículo;

Nota Fiscal de compra dos componentes do sistema GNV.

IMPORTANTE: Ao transitar com o veículo portando a documentação do GNV com validade vencida, o proprietário poderá ter o licenciamento anual do seu carro negado pelo DETRAN e ter o veículo apreendido pela autoridade de trânsito. A inspeção do veículo convertido ao uso de GNV deve ser renovada todos os anos na data descrita no verso do selo.